- Blog do Ale » Blog Archive » Às riquezas…

Publicado: sábado, 31 dezembro 2011 Às 12:34

Por Guilherme Lucas

E veio chegando perto dele um jovem.

“Mestre, qual bem devo fazer para ganhar a vida eterna?”

O Mestre prontamente respondeu: “Como você me pergunta sobre o que é ou não é bom? Só existe um bom. Mas se voce quiser a vida eterna, guarda os mandamentos.

O garoto confuso perguntou: “Quais mandamentos, Mestre?”

“Aqueles que te ensinaram ué.”  Respondeu-lhe o mestre.

O jovem empolgado disse: “Ahh isso dai eu tenho guardado já… Falta alguma coisa?”

O mestre em tom desafiador insiste: “Bom, se você quer ser perfeito, vai, vende tudo o que você tem e dá aqueles que necessitam, e assim você terá um tesouro no céu, e em seguida me siga.

Porém, o jovem ouvindo estas coisas virou de costas e foi-se embora com ar triste em sua feição. Ele possuia muitos bens, e não gostaria de ter que deixá-los para trás.

Mestre então constatou: “Dificilmente alguém que possui muitos bens na terra entrará na vida além-terra, sendo mais fácil um camelo passar no fundo de uma agulha do que um deles entrar na minha morada.”

Um discípulo confuso então perguntou: Se é assim, quem então poderá ser salvo?

O Mestre com um amor profundo em suas palavras explicou: “Aos homens isso é impossivel, porém para Deus nada é impossivel”

Parafraseando Mateus 19:16-26


Fácil perceber que guardar mandamentos não é o que mais importa para Deus… mais fácil ainda é perceber que o fato de “guardar” os mandamentos não faz você alguém bom, aliás, nada fará de você alguém bom, porque só existe UM bom.

Agora, para Deus importa sim quais são suas riquezas, e vejo que nesse texto não se trata somente de bens materias, mas também de bens como a auto-segurança, a mentalidade de que tudo o que acontece na vida é resultado de nossas ações, enfim… a falta de quebrantamento à Deus…

 

2leep.com















:wink: :twisted: :smile: :shock: :sad: :roll: :razz: :question: :oops: :neutral: :mrgreen: :mad: :lol: :idea: :grin: :evil: :eek: :cry: :cool: :arrow: :???: :!:


Nenhum Comentário (Deixe Seu Comentário Aqui) em “Às riquezas…”